Atividade ao Ar Livre – Charlotte Mason

observaçãoVez por outra, as outras crianças voltam à sua mãe e, enquanto a inteligência está fresca e os olhos interessados, ela os envia a uma expedição exploratória: quem pode ver mais, e dizer mais, sobre o morro ou o riacho, a sebe ou o matagal mais adiante. Este é um exercício que diverte as crianças, e pode ser infinitamente variado, conduzido em espírito de brincadeira, e mesmo assim, com a exatidão e o cuidado de uma lição.

 

Como Observar

Descubram tudo o que puderem sobre o chalé ao pé da colina, mas não se aproximem demais. Logo eles estão de volta, e há uma multidão de faces animadas, e um burburinho de línguas, e as observações aleatórias são disparadas sem fôlego na orelha da mãe. “Há colmeias de abelhas”. “Vimos muitas abelhas entrarem em uma delas”. “Há um grande jardim”. “Sim, e há girassóis nele”. “E margaridas e amores perfeitos”. “E há uma grande quantidade de flores azuis com folhas ásperas, mãe; o que você acha que são?” “Borragem para as abelhas, muito provavelmente; elas gostam muito disso”. “Ah, e há macieiras e pereiras e ameixeiras de um dos lados; há uma pequena trilha ao meio, sabe”. “De que lado estão as árvores frutíferas?” “Do lado direito — não, do esquerdo; deixe-me ver, qual é a mão com que escrevo? Sim, é do lado direito”. “E há batatas e couves, e hortelã e outras coisas do outro lado”. “Onde estão as flores, então?” “Oh, elas estão ao redor do jardim, margeando cada lado da trilha”. “Mas nós não te contamos sobre a maravilhosa macieira; eu posso pensar que há um milhão de maçãs nela, todas maduras e rosadas!” “Um milhão, Fanny?” “Bem, um grande número, mãe; eu não sei quantas”. E assim por diante, indefinidamente; a mãe obtém gradualmente uma descrição completa da casa e do seu jardim.

 

Usos Educativos da Saída de Campo

Isso tudo é brincadeira para as crianças, mas a mãe está fazendo um trabalho inestimável, ela está treinando seus poderes de observação e expressão, aumentando seu vocabulário e seu repertório de ideias, dando-lhes o nome e os usos de um objeto no momento certo. Quando perguntam: “O que é isso?” e ‘Para que isso serve?’ E ela está treinando seus filhos em hábitos de veracidade ao torná-los cuidadosos em ver os fatos e declará-los com exatidão, sem omitir ou exagerar. A criança que descreve: “Uma árvore alta, que sobe em direção a um determinado ponto, com folhas bastante arredondadas; não é uma árvore agradável para a sombra, porque todos os ramos se elevam”, merece aprender o nome da árvore e tudo o que a mãe puder dizer sobre ela. Mas, o pequeno traiçoeiro, que não deixa claro se está descrevendo um olmo ou uma faia, não deve obter nenhum encorajamento; sua mãe não deveria mover sequer um pé para ver esta árvore, nem ser persuadida a falar sobre ela, até que, em desespero, ele saia e retorne com uma observação mais específica — casca áspera ou lisa, folhas ásperas ou lisas — e, então a mãe considera, se pronuncia e, cheio de alegria, ele a leva para ver a árvore por si mesma.

 

Observação Criteriosa

Por etapas, as crianças aprenderão criteriosamente todas as características das paisagens que lhes são familiares. E, imagine que possessão maravilhosa, para a vida adulta e para a velhice, ter uma série de imagens fotografadas, elemento por elemento, no brilho ensolarado da mente da criança! A coisa mais miserável sobre as lembranças infantis da maioria das pessoas é que elas são borradas, distorcidas, incompletas, não mais agradáveis ​​de se olhar do que um copo quebrado ou uma veste rasgada; e o motivo não é que as cenas antigas tenham sido esquecidas, mas que nunca foram observadas inteiramente. Na época, não havia mais do que uma impressão nebulosa de que tais e tais objetos estavam presentes e, naturalmente, depois de um lapso de anos, essas características, das quais a criança não estava consciente quando as viu diante de si, raramente podem ser relembradas.

 

Reproduzido e traduzido do livro Educação no Lar, de Charlotte Mason

Traduzido por Arielle Pedrosa

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s